sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Acordar com o galo, dormir com as galinhas

A nossa casa não tem estores. A cordamos quando a natureza diurna desperta e deitamos-nos ao recolher. Claro que quando os dias são muito pequenos ou grandes não é possivel seguir à risca mas aproveitar a aurora como despertador natural é algo que nos dá muito prazer e nada agressivo. Abrimos a janela e segue-se o pranayama, ou seja, inspirações prolongadas de janela aberta e contemplação da serra. Passado uns minutos temos o cerebro oxigenado, estamos despertos e com um sorriso nos lábios.


foto retirada do google

Segue-se uma corridinha matinal, por vezes em dias com mais tempo, vamos pedalar. Voltamos e normalmente tomamos um pequeno almoço quente reconfortante para começar o dia. O tradicional 'porridge' é o nosso preferido, cozendo aveia em leite e juntando canela e limão. Outras são as vezes que ou batemos à porta do vizinho padeiro ou com mais tempo, fazemos pão que comemos com o prazer da manteiga derretida, desde que resolvemos comprar um forno a lenha.

E às 9 horas estamos prontos para mais um inicio de dia laboral carregados de boa disposição. Quando regressamos e porque as galinhas deitam-se cedo não fazemos mais do que um lanche ajantarado precedido  dum banho renovador e duma meditação. Se ainda conseguimos assistir ao pôr do sol, algo que damos prioridade, jantamos no terraço. Se já fôr noite, tomamos a nossa refeição à mesa que na nossa casa é junto à lareira, sim , a nossa zona de estar é a mesa, onde conversamos, recebemos amigos, tudo à volta duma refeição feita por nós e por nós partilhada bem aconchegante!!



Porque a vida está aí e a magia fazemos nós!!! :)

Sem comentários:

Publicar um comentário

Seja mágico!!