quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Continuando a dança das nuvens..

As nuvens são as principais responsáveis pela existência da Meteorologia. Sem elas, não existiriam fenómenos como a neve, trovões e relâmpagos e os tão bonitos arco-íris. Seria muito monótono olhar para o céu: apenas existiria o céu azul.
Uma nuvem consiste num agregado visível de pequenas gotas de água ou cristais de gelo suspensos no ar. Umas são encontradas a altitudes muito elevadas, outras quase tocam no chão. Podem assumir formas diversas.
As nuvens altas são sempre antecedidas do prefixo CIRRO porque apresentam sempre um aspecto ténue e fibroso; As nuvens médias apresentam o prefixo ALTO; A designação ESTRATO aplica-se às nuvens de maior extensão HORIZONTAL, enquanto a designação CUMULOS às de maior desenvolvimento VERTICAL; As nuvens capazes de produzir precipitação identificam-se com o termo NIMBO.

* foto autor deconhecido 

 Sintra está debaixo de chuvas continuas há 2 dias e pelos vistos para continuar. Ocasionalmete com trovoada como se verifica neste momento.

 Ao contrario do que se pensou em tempos passados que o relampago era a manifestação do choque de duas nuvens. São as correntes de ar bruscas, dentro das nuvens, que geram a fricção entre gotas de água e gelo, levando à formação e aglomeração de electricidade estática. No topo das nuvens acumulam-se as cargas eléctricas positivas e na zona inferior as negativas. Quando as cargas negativas atingem um valor elevado, gera-se uma descarga eléctrica sobre a forma de raio (visível como relâmpago luminoso) dirigido para a área superior da nuvem ou mesmo para o solo. Os raios aquecem instantaneamente o ar no seu percurso. Este aquecimento é tal que origina uma violenta explosão, ouvindo-se então o trovão.
Como o som e a luz viajam a velocidades diferentes, consegue-se saber a distancia do trovão pelo tempo entre a luz e o som.

Os raios optam sempre pelo caminho mais rápido para o solo e frequentemente isso implica a passagem através de objectos altos isolados na paisagem, como por exemplo árvores. Por isso quem pense ir para a serra hoje talvez seja melhor mudar de ideia :)

Sem comentários:

Publicar um comentário

Seja mágico!!