quinta-feira, 6 de novembro de 2014

O Outono, época mágica em Sintra


O Outono é uma época especialmente mágica, para muitos a rainha das estações em Sintra. A serra recebe-nos amarela, laranja, castanha e verde, doce e amena, e ainda nos oferece castanhas, avelãs, chuvas de folhas secas e fontes novamente jorrantes. É uma dádiva da natureza, generosa e bela. A luz do sol por entre a folhagem torna-a dourada e cintilante e o ar quieto e fresco, faz desta época a mais amena da serra. Transmite-nos uma sensação de paz que convida ao passeio, à meditação.. e ao suspiro!!

Só vendo se pode sentir o Outono em Sintra.

Já agora por curiosidade o clima da serra deve-se ao facto desta constituir o primeiro obstáculo natural que os ventos carregados de humidade, vindos do oceano Atlântico, encontram. Irremediavelmente à noite chove. Facto que permite a existência neste local de um microclima com grandes níveis de humidade. 
A transpiração gerada pela floresta e a protecção pelas suas copas, bem como a manta morta gerada pela queda das folhas e dos ramos, contribuem para a manutenção de temperaturas e de níveis de humidade no solo - quantas são as vezes que vemos autentico vapor a sair do solo - que proporcionam o desenvolvimento da grande diversidade de espécies que aqui podemos encontrar. 

A vegetação exuberante da Serra de Sintra está longe de ser um vestígio da floresta primitiva que devido às 
intervenções do homem ao longo dos tempos, como as explorações agrícola, florestal e a utilização da terra para pastagens, a serra encontrava-se, em pleno século XIX, praticamente despida de vegetação. Foi com a chegada do Romantismo a Sintra, nomeadamente com D.Fernando II, que a situação se inverteu.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Seja mágico!!